(51) 3276 5825
 
 
 

BREVE HISTÓRIA DA RAUPP-FLATS

Nossa empresa, na realidade é uma MEI-Micro Empreendedor Individual, com sede em Porto Alegre (RS). Oferecemos aluguel de temporada em Gramado (RS) e no Rio de Janeiro (RJ). Procuramos entregar o melhor custo x benefício possível, no que se refere à hospedagem nessas cidades.

BREVE HISTÓRIA DA FAMÍLIA RAUPP

Em linhas gerais, pode-se dizer que a emigração de povos alemães para o Brasil,
constituída de colonos destinados ao trabalho no campo e de soldados para estruturar o exército imperial, foi uma iniciativa do Primeiro Império do Brasil, logo nos primeiros tempos da independência, embora tentativas anteriores já houvessem acontecido.

O reino de Württenberg, a pátria dos Raupp, era um dos poucos que não fazia objeções em relação à imigração para países não alemães.

De acordo com informações extraídas dos documentos oficiais existentes, os Raupp chegaram ao Rio de Janeiro em 4 de agosto de 1826, integrando a décima e última leva de colonos alemães que emigraram para o Brasil naquele ano. Viajaram a bordo da galera bremense Friedrich, a qual partira do porto de Bremen, na Alemanha, em primeiro de junho, sob o comando do Capitão Hans Christian Stille. No dia 29 do mesmo mês partiram para Porto Alegre, na sumaca Generosa, chegando ao Rio Grande do Sul na segunda metade de setembro do mesmo ano. Nos primeiros dias de novembro, partiu de Porto Alegre uma grande caravana levando o grupo de imigrantes em direção à nova colônia a ser fundada no litoral norte do Rio Grande do Sul. A primeira parte da viagem, feita em cinco iates, saiu de Porto Alegre pelo Rio Guaiba, passou por Itapuã, entrou na lagoa dos Patos e chegou, dois dias após, à embocadura do rio Capivari. O trecho seguinte, por terra, foi feito em carretas. Após longo e penoso percurso, a caravana chegou à vila de Torres no dia 17 de novembro de 1826.

De acordo com os documentos existentes no Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul, relativamente ao registro dos colonos que entraram neste estado em 1826, as duas famílias tinham a seguinte constituição:

a) a família chefiada por JOSÉ RAUPP, com idade de 46 anos. Acompanhavam-no a esposa CHRISTINA WEBER, 31 anos de idade e três filhos: Anna Maria, 9 anos; Daniel, 6 anos e Maria Christina, 2 anos.

b) a família chefiada por JOÃO JORGE RAUPP, 44 anos de idade, acompanhado da esposa e de três filhos, respectivamente: APOLLONIA KUHN, 42 anos; Francisco, 10 anos; André, 5 anos; e Kilião, 3 anos.

Os chefes das duas famílias Raupp, Joseph e Johann Georg, eram irmãos. Eram naturais do então Reino de Württenberg, no sudoeste da Alemanha. As pesquisas do escritor Ernani Raupp Manganelli, revelam que os Raupp que emigraram para o Brasil em 1826 eram naturais da pequena povoação de Laudenbach.

Acredita-se que esses dois casais deram origem a todos os Raupp brasileiros, embora, ainda exista a necessidade de se realizar um levantamento mais amplo e completo para se organizar a árvore genealógica definitiva.

REFERÊNCIAS:

MANGANELLI, Ernani Raupp. História e Genealogia da Família Raupp: de Laudenbach à Colônia São Pedro. Porto Alegre: EST, 2006.

HUNSCHE, Carlos Henrique. O ano 1826 da imigração e colonização alemã no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Metrópole, 1977.

  

BREVE HISTÓRIA DE CARLOS RAUPP

Nasci em 25/03/1959, na cidade de Esteio (RS). Com 15 anos entrei como menor-estagiário no Banco do Brasil e, aos 18 anos, passei no concurso para escriturário do BB. Após 38 anos maravilhosos de convívio com os colegas dessa grande empresa, aposentei-me em novembro de 2012.

Sempre gostei de viajar, procurando lugares bons e com preços razoáveis para a hospedagem. No ano de 2009, adquiri uma suíte no Hotel Alpenhaus em Gramado e, de lá para cá, agreguei outros imóveis, com o objetivo do aluguel por temporada: em Gramado e Rio de Janeiro.

Procuro ofecer uma hospedagem de qualidade com o melhor custo/benefício possível.

Tudo o que for prometido, será disponibilizado.

 

 
 
www.rauppflats.com.br - 2013 - Desenvolvimento: